quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

As cadeiras Girafas.


Alguns conceitos são tão fortes e estão tão estabelecidos que muitas vezes nos impedem de uma pequena ousadia.
Cadeiras, por exemplo.
Elas variam no encosto, no assento, no formato, no acabamento, no estilo e em muitas outras coisas, mas invariavelmente têm a mesma altura quando formam um jogo.

Um dos motivos, até antes de existir a tão falada ergonomia, é que se chegou a uma altura média razoável do assento em relação ao chão considerando o comprimento médio das pernas das pessoas.
Isso é muito bom e proporciona conforto para a maioria das pessoas.
É como uma calça jeans, veste confortavelmente nos magros e aperta nos gordos.

Mas, quando falamos em decoração, variar a altura do assento em relação ao chão proporciona um resultado interessante.
As cadeiras que ilustram essa postagem são da coleção Girafas e possuem alturas diferentes.
É claro que o principal objetivo é estético e não foram desenvolvidas para uma mesa de jantar, mas são extremamente confortáveis quando usadas na recepção de uma empresa, por exemplo.

Note também que, apesar de estarem em um ambiente comercial, são coloridas e isso é permitido e possível.
Mas esse assunto está em outra postagem, clique aqui para ler.

0 Faça um comentário: